DE OLHO NA ÁGUA E PROJETOS PATROCINADOS PELA PETROBRAS PLANTARÃO CERCA DE 4.500 MUDAS DE ESPÉCIES AMEAÇADAS EM TODO O BRASIL NO DIA DE PROTEÇÃO ÀS FLORESTAS

DE OLHO NA ÁGUA E PROJETOS PATROCINADOS PELA PETROBRAS PLANTARÃO CERCA DE 4.500 MUDAS DE ESPÉCIES AMEAÇADAS EM TODO O BRASIL NO DIA DE PROTEÇÃO ÀS FLORESTAS

O Projeto “De Olho na Água”, em conjunto com outros 14 projetos ambientais, plantarão cerca de 4.500 mudas em várias regiões do país no próximo dia 17. O Projeto “De Olho na Água” é o responsável pelo plantio de 715 mudas, sendo 700 mudas de mangue e 15 mudas nativas, das quais três estão ameaçadas de extinção como as espécies Rhizophora mangle (mangue vermelho) e Laguncularia racemosa (mangue branco), que compõem parte significativa do manguezal, berçário da vida marinha, e a espécie da flora Tabebuia Sp., cujas flores são importante fonte de alimento para as espécies de abelhas nativas sem ferrão como a Jandaíra. O plantio ocorrerá no manguezal da Barra Grande em Icapuí com a participação da comunidade da Requenguela e de crianças atendidas do Projeto. Essa iniciativa faz parte de uma ação coletiva, resultado da integração de projetos patrocinados pela Petrobras, a maioria da linha Florestas e Clima, patrocinados por meio do Programa Petrobras Socioambiental.

Na cultura popular brasileira, a proteção das florestas é personificada na figura mítica do Curupira, um espírito mágico que habita as florestas e ajuda a protegê-las. Por este motivo, o dia 17 de julho é o Dia de Proteção às Florestas e também o Dia do Curupira, o “protetor das florestas”. Por isso, nesta data muitas ações práticas são realizadas para mostrar a importância de fazer algo para proteger as florestas.

Essa ação que envolverá crianças, jovens, universitários, pessoas com deficiência, comunidade tradicionais e povos indígenas pretende reforçar a importância da proteção das florestas não só para a regulação do clima, mas também para a manutenção da vida no planeta. A ideia é aproximar as pessoas e a natureza disseminando conhecimentos sobre as espécies ameaçadas, a necessidade de recuperação e preservação dos recursos para gerações futuras e também a utilização das plantas em várias atividades humanas como a alimentação, o uso medicinal, a produção de cosméticos, entre outros.

Esta ação conta com uma campanha digital nas redes sociais dos projetos participantes com a hashtag #florestaseclima e #juntospelomeioambiente.

O Projeto “De Olho na Água” é realizado pela Fundação Brasil Cidadão para Educação, Cultura, Tecnologia e Meio Ambiente, com patrocínio da Petrobras, e atua junto às 34 comunidades do município de Icapuí, no litoral leste do Ceará. Três diretrizes básicas norteiam suas ações: planejamento e gestão ambiental, desenvolvimento socioeconômico sustentável, mudança de atitude. Já produziu mais de 100 mil mudas de mangue e recuperou 9 hectares de manguezal, que equivalem a nove campos de futebol.

Conheça abaixo os projetos envolvidos nessa ação de proteção às florestas:

 

SIGLA DO ESTADO NOME DO PROJETO LINK DO PROJETO N° DE MUDAS PLANTADAS

(17JUL19)

BIOMA PRINCIPAIS ESPÉCIES A SEREM PLANTADAS
SP/PR Projeto Agroflorestar www.cooperafloresta.com 150 Mata Atlântica Palmeira-juçara (principalmente); Jatobá; Guanandi; Grumixama; Gabiroba; Cedro; Guapiruvu; Canela-niúva; Ipê-amarelo; Araçá-vermelho.
AM Projeto Amazonas sustentável www.fas-amazonas.org 300 Amazônia castanheira, cacau, açaí, cupuaçu, acerola
RS Projeto Ar, Água e Terra www.projeto.iecam.org.br 500 Mata Atlântica araticum,

butiá, canela, chal-chal, cocão erva-mate,  guabiroba, , juçara, pata-de vaca e pau-brasil

BA Projeto CO2 Manguezal www.co2manguezal.org 100 Mata Atlântica Pau-brasil, Jatobá, Landi Carvalho, Saboneteira, Inhaíba, Ipê roxo, Canafístula, Urucum, Jenipapo, Jabuticaba, Angelim, Ingá
CE Projeto De Olho na Água www.deolhonaagua.org.br 715 Caatinga/Ecossistema Costeiro (Manguezal) Tabebuia Sp., Rhizophora mangle e Laguncularia racemosa
RJ Projeto Guapiaçu Grande Vida (GGV) www.ggvbr.org/o-projeto 300 Mata Atlântica Garapa

Jequitibá-rosa

Cedro-rosa

Imbirema

Jacarandá-da-bahia

Palmito-juçara

Braúna

Pau-brasil

Cambucá

Bicuíba

CE Projeto No Clima da Caatinga www.noclimadacaatinga.org.br/projeto 60 Caatinga Ipê

Catingueira

Angico

Carnaúba

Tamboril

Jatobá

Sabiá

MT Projeto Pacto das Águas www.pactodasaguas.org.br 50 Amazônia Ipê, Mogno, Cerejeira, Castanheira
MT Projeto Poço de Carbono Juruena www.carbonojuruena.org.br 1.500 Amazônia Castanheira, Ipê, Cedro, Mogno, Parica
SP Projeto Semeando Água www.semeandoagua.ipe.org.br 30 Mata Atlântica Palmito jussara, araucária, pau-brasil, jacarandá da Bahia
RO Projeto Semeando sustentabilidade www.semeandosustentabilidade.org/historico-da-rioterra 50 Amazônia Cedro, Cerejeira, Maracatiara
SP Projeto Verde Novo www.copaiba.org.br/verdenovo 50 Mata Atlântica canjarana, cedro-rosa, juçara, canela, jequitibá
RO Projeto Viveiro Cidadão www.viveirocidadão.org.br 150 Amazônia Andiroba, Castanheira e Cerejeira
RJ Projeto Uçá www.projetouca.org.br/o-projeto 500 Mata Atlântica/ Manguezal Mangue Vermelho, Mangue Branco e Mangue Preto
ES Projeto Uruçu Capixaba www.ibramar.org/urucu 150 Mata Atlântica Cedro-rosa, Jacarandá-da-bahia, Palmito-juçara, Braúna, Pau-brasil
TOTAL 15 Projetos   4.605 mudas 3 biomas Mais de 60 espécies